Apple pode lançar um iPad OLED em 2024

A Samsung Display começou a trabalhar em painéis OLED avançados para ganhar pedidos de futuros iPads, MacBooks e iMacs. 

Apple pode lançar um iPad OLED em 2024. De acordo com o The Elec , esses painéis terão uma estrutura de duas pilhas, o que aumentará a durabilidade da tela.

Relatórios anteriores afirmavam que a Apple suspendeu temporariamente os planos para um iPad OLED porque seus requisitos de preço e qualidade não se adequavam ao Samsung Display. 

A fabricante do iPhone queria OLEDs com uma estrutura de duas pilhas em vez da atual abordagem de pilha única, o que era impossível para a Samsung na época.

O relatório observa:

O desafio em uma estrutura de duas pilhas é fazer com que a camada de geração de carga, ou CGL, controle a carga para fluir nos mesmos locais nas duas camadas de emissão, ou isso afetará negativamente a pureza da cor e o brilho do vermelho, verde e pixels azuis nas duas camadas.

O iPhone e o Apple Watch são os únicos dispositivos da Apple que possuem telas OLED de pilha única, enquanto Macs e iPads ainda usam telas LCD e mini-LED. 

Isso pode mudar em breve, com relatórios afirmando que os futuros iPads podem apresentar telas OLED com painéis de duas pilhas, seguidos por Macs recebendo o mesmo tratamento.

 O fabricante do iPhone pode usar esse painel OLED em futuros modelos de iPad Air ou iPad de 10,2 polegadas.

Apple pode lançar um iPad OLED em 2024

Cronograma de desenvolvimento do painel OLED de duas pilhas

Atualmente, a Samsung fabrica painéis OLED com estrutura de pilha única. A fabricante sul-coreana de displays está agora desenvolvendo painéis tandem de duas pilhas (chamados de série T), com foco em prepará-los para avaliação do cliente.

 Esses painéis têm duas camadas de emissão, dobrando assim o brilho e quadruplicando a vida útil da tela. Se tudo correr conforme o planejado, o material irá para produção comercial em 2023.

O fabricante de telas trabalhará então no desenvolvimento do próximo da série, o T2, que poderá entrar em produção comercial em 2024.

Contudo esses avançados painéis OLED da série T podem ser usados ​​pela primeira vez nas séries Galaxy; Tab e Galaxy Book da Samsung, como forma de verificar sua eficácia antes de apresentá-los à Apple. 

Por fim se a fabricante do iPhone aprovar, o material T2 da empresa sul-coreana poderá chegar aos futuros iPads.